frase-topo

(62) 3353-8088

(62) 8474-0345

Ministério Público investiga fraudes em vestibular de Medicina em Goianésia

prova-706x432

O Ministério Público de Goiás (MPGO) abriu denúncia contra dez pessoas que integravam um esquema especializado em fraudar o vestibular de medicina da Universidade de Rio Verde (Unirv) – Campus Goianésia. O responsável pela denúncia foi o promotor de Justiça Felipe Oltramari.

Segundo a denúncia, o grupo dividia as funções no esquema de fraude e pedia valores de R$ 80 mil a R$ 140 mil para cada candidato. A quadrilha aliciava os candidatos interessados em realizar o vestibular de medicina enquanto um dos membros se inscrevia no processo seletivo, fazia a prova e passava o gabarito para outros integrantes. Esses, por sua vez, repassavam os gabaritos para os candidatos.

Os candidatos ainda recebiam um treinamento da quadrilha e um telefone celular utilizado durante a prova. No dia do exame, integrantes da quadrilha enviavam o gabarito via mensagem e os candidatos visualizam e memorizavam as respostas no banheiro.

Os estudantes envolvidos na fraude estão sendo investigados separadamente e os integrantes da quadrilha foram denunciados pelo crime de organização criminosa. O MP pediu também a decretação da prisão preventiva dos acusados. De acordo com o promotor, foi demonstrado que “se trata de uma organização criminosa, com diversos tentáculos e atuantes em vários municípios brasileiros, causando, há anos, prejuízos à sociedade, com dano incalculável à lisura de certames de interesse público, demonstrando, assim, a necessidade da custódia cautelar para a garantia da ordem pública, bem como também para a garantia da instrução processual e aplicação da lei penal”.

Mais Goiás.

 

 

Otica Ceres 2017

betel-calcados

cagel

solucao-agro

escritorio-contabil3

loja-dos-parafusos3

ASSOCIAÇÃO COMUNITÁRIA DE COMUNICAÇÃO E CULTURA BOA NOVA DE GOIANÉSIA
Copyright © 2005-2015 - Todos os direitos reservados

apice