frase-topo

(62) 3353-8088

(62) 8474-0345

UFG deixa de preencher quase metade das vagas de graduação na primeira chamada

Concurso-Publico-da-UFGA Universidade Federal de Goiás (UFG) deixou de preencher 48,3% das 6.365 vagas de graduação oferecidas na primeira chamada. Alunos interessados nas vagas em aberto precisam confirmar interesse no curso até o dia 19. Em alguns cursos, o índice de disponibilidade chega a 90%.

Entre os cursos com maior índice de disponibilidade estão engenharia ambiental em Jataí (82%), fisioterapia em Jataí (90%), história em Catalão (80%) e filosofia em Goiás (82%). A instituição tem 143 cursos de graduação.

A UFG disse considerar a situação normal em um primeiro momento: o ingresso ocorre por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), e os estudantes podem usar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para tentar escolher entre várias universidades do país.

“Em linha geral, esse índice é o que vem ocorrendo nos últimos anos. Mas é importante ressaltar que, agora, quem não passou na primeira chamada, pode demonstrar interesse nessas vagas restantes”, explicou a pró-reitora de graduação, Flávia Aparecida de Oliveira.

A pró-reitora explicou ainda que os interessados precisam acompanhar o site da UFG para seguir os próximos passos. “Os interessados se inscreveram na lista de espera até o último dia 7. Agora, eles têm até o dia 19 para se cadastrar para as vagas restantes e o resultado dos selecionados sairá no dia 21”, explicou.

As unidades em Goiânia são as que têm menor quantidade de vagas remanescentes, informou a universidade, enquanto a regional de Goiás tem apenas 29% de adesão.

Entre os cursos com poucas vagas disponíveis estão medicina em Jataí, com só 13% de remanescentes, e medicina em Goiânia, com 12,7% em aberto – 14 das 110.

 

Otica Ceres 2017

betel-calcados

cagel

solucao-agro

escritorio-contabil3

loja-dos-parafusos3

ASSOCIAÇÃO COMUNITÁRIA DE COMUNICAÇÃO E CULTURA BOA NOVA DE GOIANÉSIA
Copyright © 2005-2015 - Todos os direitos reservados

apice